Visitantes online : 1571 terça-feira, 27 de setembro de 2016
27/09/2016 09:45


As pesquisas do Ibope e do Datafolha mostram que o jogo está embolado na disputa do 2º lugar. E os resultados são conflitantes. No Ibope Crivella subiu 4 pontos percentuais, mas o Datafolha aponta pequena queda de 2 pontos percentuais. Na disputa da outra vaga no 2º turno reparem que os números são diferentes. As únicas concordâncias entre as duas pesquisas é que Pedro Paulo e Marcelo Freixo estariam disputando palmo a palmo a vice-liderança, e que Jandira Feghali teria caído. Mas num cenário tão parelho uma simples diferença de bairro onde as pesquisas foram feitas pode ser responsável pelas alterações. Não dá hoje para saber quem vai enfrentar Crivella no 2º turno.




 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [0] | |


26/09/2016 18:24
Reprodução do Diário do Poder
Reprodução do Diário do Poder


Depois do impeachment consumado o PT chegou a ensaiar uma resolução proibindo coligações com o PMDB, a quem chamam de "golpista". Mas ideia não foi adiante porque as bases foram contrárias. Agora vejam: em 570 municípios o PT e o PMDB estão coligados nas eleições municipais. Tudo bem que em 2012 a aliança PT - PMDB foi formalizada em um pouco mais de mil cidades, agora caiu quase para a metade, mas mostra que os dois partidos, impeachment ou golpe à parte, são - como diz a música - "amigos para sempre".

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [0] | |


26/09/2016 17:11
Pezão
Pezão


Bem a licença médica de Pezão vai até quarta-feira (28). Mas até agora ninguém sabe se ele vai reassumir o governo estadual ou prorrogar a licença. Adiantei aqui no blog no dia 2 de setembro: "PMDB quer que Pezão estenda licença até final do ano". Ontem a coluna de Ancelmo Gois, do Globo, confirmou que a pressão para Pezão não reassumir agora é grande entre os aliados.

Na sexta-feira Pezão passou por exames médicos. Deve se manifestar a qualquer momento se volta ou deixa a bomba da falência total do Estado, deixando os servidores sem pagamento, estourar no colo de Dornelles. A verdade é que para a população entre Pezão ou Dornelles não há muita diferença. Estamos no fundo do poço.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [1] | |


26/09/2016 16:00
Reprodução do G1
Reprodução do G1


Pode ter sido de fato uma coincidência, mas ontem, em Ribeirão Preto, terra de Antonio Palocci, o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes avisou que esta semana teria outra operação da Lava Jato. Por conta disso a Polícia Federal divulgou nota oficial afirmando que o ministro não foi informado previamente. Alexandre de Moraes também negou que soubesse, mas no Palácio do Planalto a interpretação é de que Moraes falou demais e criou mais uma polêmica desnecessária.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [1] | |


26/09/2016 14:44
Pedro Paulo no debate da Record
Pedro Paulo no debate da Record


Durma-se com um barulho desses. Pedro Paulo ontem no debate da Record continuou elogiando Sérgio Cabral. Já disse em debate anterior que Cabral fez muito pelo Rio. Estamos vendo hoje o resultado da gestão de Cabral, que deveria era estar preso. Aliás, Marcelo Crivella foi espirituoso ao comentar a situação: "O Cabral tinha o Pezão; O Paes tem o Pezinho".

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [4] | |


26/09/2016 13:41
Reprodução do blog de Lauro Jardim, do Globo
Reprodução do blog de Lauro Jardim, do Globo


Eduardo Cunha quer lançar em dezembro o seu livro onde vai contar a história do impeachment, segundo a sua versão. Vai dizer que foi um "golpe parlamentar" e pretende comprometer Michel Temer na história. O problema, segundo a nota, é que Cunha está pedindo demais às editoras. Quer um adiantamento de R$ 1 milhão e mais 20% sobre o preço de capa de cada exemplar, algo totalmente fora da realidade do mercado editorial brasileiro. É que Cunha está acostumado a negociar quantias altas, vide a Lava Jato. E promete no início de 2017 lançar um segundo livro que já tem título "Delação não premiada" onde pretende contar fatos desabonadores dos seus desafetos. Moreira Franco que se cuide.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [2] | |


26/09/2016 11:59


A uma semana da eleição foi divulgada uma pesquisa séria em Campos, não dessas armadas pela oposição e a Folha da Manhã. Como mostrei ontem no blog, a oposição apareceu com uma pesquisa de um instituto cujo dono é um dos coordenadores da campanha do candidato Rafael Diniz, ou seja, não tem a menor credibilidade. Pela pesquisa do instituto Precisão, o Dr. Chicão tem 10 pontos percentuais à frente do segundo colocado. Mas o dado mais importante é que o Dr. Chicão está a 4 pontos percentuais de atingir a soma dos demais candidatos. Caso tenha um voto a mais que a soma dos outros, Dr. Chicão vencerá no 1º turno. Por isso esta semana será de muito trabalho, de gastar sola de sapatos e conversar com os eleitores.


Em tempo: E o Pudim, hein? Trocou o PR pelo PMDB e dizia que com a máquina de Picciani e companhia já estava eleito prefeito de Campos. Até hoje não conseguiu passar de 2%. Que fiasco!

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [6] | |


26/09/2016 10:42


Pedro Paulo não queria ir ao debate porque a Record autorizou o uso das imagens na propaganda eleitoral. Além disso exigia que os candidatos não fossem mostrados pelas câmeras quando não estivessem falando. Mas como disse aqui no blog, ele não tinha escapatória. Sua ausência seria demolidora para suas chances de ir ao 2º turno. Teve que aceitar as regras, foi ao debate e apanhou de todos os lados. Era visível o seu nervosismo no meio do tiroteio. O debate foi bom para Crivella.

Para quem não acompanhou segue o vídeo do debate. Só avisando que o debate começa em 3m40s.



 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [3] | |


26/09/2016 09:28
Reprodução do Zero Hora
Reprodução do Zero Hora


Antônio Palocci foi ministro da Fazenda de Lula e assumiu a Casa Civil de Dilma. Chegou a ser cogitado como futuro candidato à sucessão de Lula, depois que José Dirceu foi envolvido no escândalo do Mensalão. Foi coordenador da campanha de Dilma e cuidou informalmente da arrecadação financeira. Já havia sido citado em várias delações premiadas da Lava Jato. É mais um petista de alto quilate atingido pela Lava Jato.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [6] | |


25/09/2016 15:33


Não sejamos ingênuos: a pesquisa divulgada hoje, encomendada pela FOLHA DA MANHÃ, é falsa e não reflete a realidade. O dono do instituto de pesquisa, MURILO DIEGUES, é um dos coordenadores da campanha de Rafael Diniz e foi secretário do governo Sérgio Mendes, presidente do partido de Rafael.

Estatisticamente, a pesquisa tem diversos erros e desde ontem circulam fotos de pesquisadores do referido instituto realizando entrevistas em meio a uma carreata do candidato Rafael Diniz.

A pesquisa não afirma se os dados colhidos representam os dados do último senso do IBGE e chega ao absurdo de afirmar que a margem de segurança é de 99%.

Para se ter ideia do disparate que essa margem de segurança representa, na última eleição para o GOVERNO ESTADUAL o IBOPE fez pesquisa de boca de urna - após o eleitor ter votado - com 5 mil pessoas e dava margem de erro de 2%.

Além disso, salta aos olhos de qualquer cidadão que por esta pesquisa manipulada o crescimento de DR. CHICÃO do primeiro para o segundo turno é praticamente nenhum, o que não é provável estatisticamente.

Nossos advogados irão solicitar judicialmente, conforme determina a lei, os formulários da pesquisa.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [7] | |


25/09/2016 14:03


Na eleição de Campos o desespero da oposição ultrapassou todos os limites porque está vendo a liderança do Dr. Chicão (PR) aumentar cada vez mais. Chegaram ao ponto de recorrer à Justiça para suspender o programa de distribuição de renda Cheque-Cidadão que existe desde o início do primeiro mandato de Rosinha, sem se preocuparem com a vida das famílias humildes que dependem do benefício.




 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [1] | |


25/09/2016 10:12


Em Nova Iguaçu teve reviravolta na eleição. Segundo o IBOPE, o candidato do PR, Rogério Lisboa cresceu 12 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior numa arrancada espetacular, enquanto o prefeito Nelson Bornier (PMDB) despencou 8 pontos percentuais. Rogério Lisboa tirou uma diferença de 20 pontos percentuais e tomou votos de Bornier. Com isso a eleição irá para 2º turno.

A pesquisa do IBOPE mostrou ainda que quando os eleitores sabem que Bornier tem o apoio do PMDB, de Pezão, Cunha e Temer fica com 22%. Já Rogério Lisboa com o apoio de Garotinho e Lindbergh fica com 25%, portanto na frente. Além disso a rejeição de Bornier é de 35%, Rogério Lisboa tem apenas 18%. E na simulação de 2º turno entre Bornier e Rogério Lisboa dá empate técnico (40% x 38%). Em Nova Iguaçu o cenário está ficando favorável a Rogério Lisboa.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [2] | |


24/09/2016 14:25


Será um debate com estratégias diferentes. Nos anteriores todos miraram em Pedro Paulo e desmontaram suas versões coloridas, mas falsas, da realidade da cidade do Rio de Janeiro. Com o segundo lugar sendo disputado palmo a palmo entre Freixo, Jandira e Pedro Paulo, e com Flávio Bolsonaro e Índio da Costa com chances, vão ter que mirar uns nos outros para tirarem votos de adversários e conquistá-los. Pedro Paulo andou dizendo que não iria ao debate da Record, mas querendo ou não, terá que ir. Se não for os candidatos vão deitar e rolar em cima da ausência.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [8] | |


24/09/2016 13:04
Reprodução da Veja online
Reprodução da Veja online


Nunca na história do Estado do Rio de Janeiro houve um mês com tantos assaltos como foi agosto. Comparando com agosto de 2015, os assaltos cresceram quase 100%. E como isso é possível justamente na época em que houve reforço de 50 mil militares e agentes federais? É elementar, meus caros. Fora das regiões olímpicas, na Zona Norte e Zona Oeste da cidade, na Baixada Fluminense, em Niterói, São Gonçalo e todo o interior houve redução do efetivo policial pra reforçar a Olimpíada. Sem policiamento os ladrões fizeram a festa.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [8] | |


24/09/2016 11:26
Reprodução do Globo online
Reprodução do Globo online


Mesmo com a máquina eleitoral do PMDB, que envolve os governos municipal, estadual e federal, além de ter registrado no TRE doações que somam o triplo de todos os outros candidatos, Pedro Paulo sabe que está seriamente ameaçado de não ir para o 2º turno. Por isso as duas novas estratégias. Por um lado andar com Eduardo Paes em áreas onde o prefeito é bem avaliado. Por outro passou ao ataque contra Freixo e Jandira, que estão tecnicamente empatados com ele.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [5] | |


24/09/2016 10:18
Reprodução do Diário do Poder
Reprodução do Diário do Poder


Não há nada para comemorar em relação ao desemprego. Em agosto o balanço continuou sendo negativo com o fechamento de quase 40 mil vagas. O único ponto que pode ser considerado positivo é que o desemprego continua crescendo, mas num nível menor que no ano passado. E infelizmente até agora não surgiram medidas que criem empregos a curto prazo. O governo Temer precisa agir mais, e rápido. Este ano já foram perdidas 650 mil vagas no mercado de trabalho.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [5] | |


23/09/2016 17:24
Militantes do PT choram no impeachment de Dilma
Militantes do PT choram no impeachment de Dilma


A menos de 10 dias das eleições municipais a situação do PT é dramática. Nas 26 capitais onde haverá eleição, o PT lidera as pesquisas apenas em Rio Branco (Acre), onde Marcus Alexandre tenta a reeleição. E está em segundo lugar em Porto Alegre (Raul Pont) e no Recife (João Paulo). Em São Paulo corre sério risco do prefeito Fernando Haddad nem ir para o 2º turno. Segundo o Datafolha de ontem, Haddad está em 4º lugar com 10%, atrás de João Dória (PSDB), 25%; Celso Russomano (PRB), 22%; e Marta Suplicy, 20%. É o efeito impeachment e Lava Jato.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [5] | |


23/09/2016 15:46
Reprodução do Globo online
Reprodução do Globo online


Já havia alertado para essa situação aqui no blog. Jandira e Freixo estão tecnicamente empatados, um ponto percentual os separa na pesquisa Datafolha divulgada ontem. Só que Freixo vem em queda e Jandira está subindo. Esta semana Jandira ganhou o reforço de Dilma e na reta final Lula virá ao Rio. Os dois trazem votos petistas para a candidatura de Jandira Feghali. E pode fazer a diferença quando a vantagem é ínfima, se não estiverem realmente empatados. Por isso nos dois últimos debates Freixo e Jandira devem mirar um no outro. Pedro Paulo deve crescer alguns pontos na reta final em função da máquina e do maior tempo de televisão, por isso Freixo e Jandira sabem que também têm que subir para fazer-lhe frente. Nesse cenário quem tende a perder mais por conta do voto útil da esquerda é Alessandro Molon, que não tem mais chances com apenas 2%.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [5] | |


23/09/2016 14:04
Reprodução do Extra
Reprodução do Extra


É impressionante o que está acontecendo no governo estadual no momento da pior crise financeira do nosso estado. Ontem o jornal Extra denunciou esse escândalo. A PM não tem dinheiro nem para o combustível das viaturas, mas vai comprar alimentos para o rancho com superfaturamento maior que 100%. E a notícia foi destaque, mas nem Dornelles, nem Pezão mandaram suspender a licitação. Simplesmente vai continuar o esquema superfaturado. É omissão, irresponsabilidade e improbidade. E ninguém cobra nada dos dois desgovernadores.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [6] | |


23/09/2016 12:38
Reprodução do Brasil 247
Reprodução do Brasil 247


Ontem à tarde Michel Temer anunciou as medidas da reforma do ensino médio e foi informado que educação física e artes deixariam de ser obrigatórias. Houve reação dos educadores, e à noite, o MEC informou que a medida provisória teve a redação alterada. Afinal educação física e artes continuarão sendo disciplinas obrigatórias até metade do ensino médio. É mais um vai-e-vem do governo. E na questão do aumento das horas de aula ficou uma coisa muito vaga. O objetivo é passar o ano letivo de 800 horas para 1.400. Mas o texto fala em aumento progressivo sem estipular metas. Vamos ver como vai ficar a reforma depois de passar pelo Congresso.

 |   Compartilhar no Twitter  |    Comente [2] | |


PrimeiroAnterior1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ProximoUltimo

Facebook


Twitter


Vídeos

Busca
Histórico
Links
Todos os Direitos Reservado
Fotos Anthony Garotinho